1 comentário

Fim dos Tempos – Parte 12

 

 
As Escrituras também afirmam que os cristões não estão destinados à ira do Senhor.
Porque Deus não nos destinou para a ira, mas para a aquisição da salvação, por nosso Senhor Jesus Cristo,
1 Tessalonicenses 5:9
Recebemos a garantia de que não estaremos aqui no período da tribulação. Um detalhe importante é que a igreja está ausente os capítulos 4 a 18 do livro de apocalipse, onde é descrito a tribulação que ocorrerá aqui na terra. Estamos nos céus com Cristo.
 
Ao contrário do que muitos pensam o arrebatamento não é o fato que dá inicio aos sete anos de tribulação. Sabemos, através dos versículos acima citados que os arrebatamentos ocorre antes da tribulação, porem não sabemos exatamente quanto tempo antes.
 
O que marca o inicio dos sete anos de tribulação é o acordo do anticristo com Israel, propondo uma falsa paz.
O anticristo também sugira antes das tribulações.
A esse cuja vinda é segundo a eficácia de Satanás, com todo o poder, e sinais e prodígios de mentira. E com todo o engano da injustiça para os que perecem, porque não receberam o amor da verdade para se salvarem.

E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira;
 
Para que sejam julgados todos os que não creram a verdade, antes tiveram prazer na iniquidade. 2 Tessalonicenses 2:9-12
E, por causa dos falsos milagres que o anticristo fará, muitos infelizmente, acreditarão nele como sendo o messias, rejeitando a Jesus, o verdadeiro Messias.
 
Nós adotamos a posição pré- tribulacionista, para o momento do arrebatamento, que é considerada a posição mais condizente com a sequencia dos acontecimentos pertinentes ao “ Fim dos Tempos”, mencionados na Bíblia.
 
Nossa preocupação é estar sempre de acordo com a Bíblia no tocante a sequencia cronológica dos eventos que marcam a volta de Jesus Cristo.
 
Queremos, porém deixar claro que respeitamos outras posições quanto ao arrebatamento, porem adotamos esta como a mais sensata para a sequencia dos acontecimentos no “Fim dos Tempos”,
 
Apresentamos, a seguir, as três diferentes posições prê-, meso- e pós tribulacionista quando do arrebatamento, para que você tema uma visão completa.
 
Fonte: Livro Fim dos Tempos – Pr. Uziel de Jesus
Anúncios

Um comentário em “Fim dos Tempos – Parte 12

  1. A OPERAÇÃO DO ERRO! E CRERÃO NAS MENTIRAS!

    “E por isso Deus lhes enviará a operação do erro, para que creiam a mentira;”

    – O Apocalipse contém o último chamado do Deus de amor para os moradores da Terra Apocalipse 14:6-14 , expõe-nos as artimanhas de Satanás e descreve a organização que ele tem para o seu trabalho. Nenhum outro livro ostenta um conteúdo de tanta importância como este, para o homem moderno. Sua mensagem é tão crucial e imperativa que Deus pronunciou uma terrível sentença sobre todo aquele que tentar alterar sua mensagem Apocalipse 22:18, 19. Uma das tremendas revelações que Deus nos faz neste livro é a respeito do que Ele chama o mistério Babilônia, a grande prostituta, e de como o conteúdo dessa mensagem pode afetar nossa salvação.

    – Nesse contexto a mensagem está falando de uma babilônia mística ou simbólica, pois a literal já havia sido destruída nos tempos do Antigo Testamento e Isaías 13:19-21 declara que nunca mais seria habitada. É interessante notar que a Bíblia de Jerusalém (tradução católica com imprimatur), comentando Apocalipse 17:5, diz que “Babilônia é o nome simbólico de Roma”. Devido ao sentido eminentemente religioso da mensagem dos três anjos, devemos interpretar esta caída como espiritual ou religiosa. O comentário da Bíblia de Jerusalém diz que Roma arrastou todas as nações à idolatria ensinando mentiras.

    – Assim como em Apocalipse 12 uma mulher pura é símbolo adequado da igreja fiel, aqui aparece uma prostituta como símbolo de uma igreja que se prostituiu; que teve uma queda doutrinária. A Bíblia de Jerusalém comenta que a prostituição é o símbolo da idolatria. Um antecedente bíblico ajuda a entender este ponto de vista, encontramo-lo em Ezequiel 16:15: “confiaste na tua formosura, e te entregaste à lascívia, graças à tua fama; e te ofereceste a todo o que passava para seres dele”. Outro exemplo: “com seus ídolos adulteraram… ainda isto Me fizeram… Ezequiel 23:37. Vivermos a sã doutrina é crucial para que possamos ter os nossos nomes escritos no livro da vida. Que o nosso Deus nos abençoe e nos guarde de operarmos no erro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: